Pesquisar este blog

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Encontro de Folia de Reis e Pastorinhas

Encontro de Folia de Reis e Pastorinhas em Caetanópolis – MG (Foto de EDN)P1150180

Mais uma vez, neste ano de 2012, como de costume, Caetanópolis foi brindada com o Encontro de Folia de Reis e Pastorinhas, organizado pelo Osmar “Marimbondo”, vereador e grande defensor dessas manifestações culturais.

Esse evento é admirável sob todos os pontos de vista. Mas o que mais me surpreende em relação ao mesmo é a oportunidade de podermos perceber como a tradição oral das Folias de Reis e das Pastorinhas que existem pelo interior de Minas Gerais (e também do Brasil, por que não dizer?) trazem uma diversidade fascinante. Ainda que se mantenham intactos os objetivos e as bases religiosas que norteiam tanto Folias de Reis quanto Pastorinhas, cada uma delas mantém particularidades que estão ligadas, em geral, aos seus membros principais.

Muitos desses grupos são mantidos por uma mesma família ou por amigos que cresceram juntos e aprenderam com seus próprios familiares a tradição. Mesmo que ocorra uma ou outra mudança, até para contextualização e contemporaneidade das apresentações, é possível perceber traços que nos levam à origem comum de todas elas, possivelmente na Idade Média e com forte influência ibérica.

Não sou um profundo estudioso do assunto. Sou mais um curioso e admirador. Ainda vou estudar muito a respeito. Mas a maior fonte que posso buscar conhecimento sempre serão as pessoas. Os “Mestres” que comandam esses grupos de Folia de Reis e Pastorinhas são as melhores fontes de informação que qualquer pessoa interessada pode consultar. E isso merece registro.

Nos meus contatos com pessoas do meio, sempre reforço a necessidade de que cada grupo tenha um registro escrito de como deve se apresentar, do que deve ser dito. E, aproveitando a tecnologia, que sejam feitos registros de áudio e vídeo. É um trabalho, creio eu, que as prefeituras municipais deveriam realizar. Isso deveria, inclusive, ser divulgado em meio eletrônico, em sítios como o YouTube. Fica aqui minha dica a respeito.

Para finalizar, gostaria de deixar um convite ao leitor e à leitora para que pesquise no YouTube e em outros sítios de vídeos os temas “Folia de Reis”, “Reisado” e “Pastorinhas”. É possível perceber a grande diversidade que essa manifestação cultural carrega Brasil afora.

3 comentários:

  1. Professor Ernane, parabéns por divulgar a cultura de Caetanópolis. Quanta coisa boa eu sei que tem aí nessa sua terrinha. Infelizmente, em Sete Lagoas já se perdeu pr aticamente toda a tradição das Folias e Pastorinhas. Eu tenho saudade do tempo em que meu pai recebia os grupos em casa, enchendo nosso Natal de mais alegria. E quantas vezes eu saí atrás deles, de casa em casa madrugada afora...Ô tempo bom!
    abraços,
    Cida dos Santos.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Professora Cida, agradeço as gentis palavras de sempre e reitero a importância das tradições para mim, pessoalmente, e para minha comunidade. Como estudioso dessas manifestações, procuro sempre incentivar o máximo...

    ResponderExcluir